Skip to content Skip to left sidebar Skip to right sidebar Skip to footer

Ambiente

Comunicação Queimas e Queimadas – INTERDIÇÃO NOS DIAS 7 E 8 ABRIL

Considerando a recomendação do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, as condições meteorológicas previstas para os próximos dias, em especial o aumento da intensidade do vento, bem como o agravamento do risco de incêndio para o Município, a realização de Queimas e Queimadas encontra-se interdita nos dias 07 e 08 de abril.
Salientando-se que as comunicações efetuadas previamente para realização de queimas e queimadas no período referido, são consideradas não autorizadas pelo Município de Guimarães.

Concurso Público 01/2021 – Concessão do Direito de Exploração dos Espaços Comerciais no Antigo Mercado das Caldas das Taipas e do Bar Esplanada no Parque de Lazer da Praia Seca, na Freguesia de Caldelas – Caldas das Taipas

Chefe António Loureiro, com uma estrela Michelin, preside ao Júri do concurso público para a concessão dos três estabelecimentos de restauração e bebidas no Antigo Mercado e no Bar Esplanada da Praia Seca.

A Junta de Freguesia lançou no final do mês de março o procedimento concursal público para a concessão dos três estabelecimentos de restauração e bebidas que ficarão instalados no antigo mercado de Caldas das Taipas, edifício que está em fase final de requalificação e também para o Bar Esplanada da Praia Seca.

O Júri do Concurso é presidido pelo Chefe António Loureiro, que viu em dezembro último, renovado a sua estrela Michelin, que é acompanhado pelo Professor Pedro Vieira da Universidade do Porto e pelo Arquiteto Filipe Fontes.

O MERCADO ESTÁ A CHEGAR – 3 ESPAÇOS NA ÁREA DA RESTAURAÇÃO, BEBIDAS E SIMILARES
Inspirado no conceito do Mercado do Bolhão, do Mercado da Ribeira, no Mercado de San Miguel ou no Borough Market a Junta de Freguesia pretende que este renovado equipamento se converta num “spot” para os jovens e menos jovens. O edifício cuja construção remonta a 1911, possui referenciais únicos no quadro do património cultural, móvel e imaterial: história e tradições e exibirá, ainda, uma exposição permanente sobre a vila de Caldas das Taipas.

BAR ESPLANADA DA PRAIA SECA
O Parque de Lazer da Praia Seca, na margem ribeirinha do Rio Ave foi inaugurado a 27 de outubro de 2019.
A área envolvente possui uma zona de estacionamento, casas de banho públicas, arborização da zona envolvente e ainda um acesso pedonal ao leito do rio. É também um dos pontos de passagem da Ecovia, trilho ecológico em construção, cujos primeiros quilómetros já estão concluídos em Caldas das Taipas e que ligam o Parque de Lazer da Praia Seca ao Parque de Lazer das Taipas. O espaço do Bar Esplanada da Praia Seca insere-se na requalificação desta zona verde ribeirinha, sita na Rua do Tojal. O Rio Ave foi um dos rios mais poluídos da Europa mas o trabalho de despoluição realizado por diversas entidades e os resultados das análises da água realizadas por laboratório acreditado faz parte do pedido de classificação daquela água como água balnear, com vista à obtenção do título de praia fluvial.

Documentos:
CP 01_2021 – Anúncio DRE
CP 01/2021 – Programa de Procedimento
CP 01/2021 – Caderno de Encargos
Ligação Plataforma de Contratação Pública Acingov

Todos os interessados poderão encontrar mais informações sobre o projeto e o concurso em www.caldasdastaipas.com ou na plataforma www.acingov.pt.

Empreitada para as Hortas Comunitárias já iniciou

AGRICULTURA BIOLÓGICA E SUSTENTÁVEL SÃO OBJETIVOS PARA O NOVO ESPAÇO
Será instalada Junto ao Parque de Campismo, no terreno cedido para esse fim, pela Família da Seara, proprietária do terreno. De acordo com o projeto, da Junta de Freguesia a Horta Comunitária terá cerca de 25 espaços para concessão aos cidadãos.
As hortas comunitárias são espaços destinados à horticultura, normalmente como atividade de lazer. São espaços para as famílias, que podem, numa parcela de terreno e de forma comunitária plantar produtos hortícolas.
A Junta de Freguesia pretende que a agricultura no Horto comunitário seja biológica e sustentável, contribuindo, assim, para o desígnio ambiental e para uma alimentação mais saudável, sem químicos e aditivos.
Para além das hortas comunitárias e porque também será um espaço de convívio, o projeto prevê a construção de uma zona de merendas, uma casa de insetos, que terá função de polinização, uma casa de apoio para guardar materiais, uma estufa em vidro, um canteiro de aromáticas e um viveiro de flores para os nossos jardins.
Será, por isso, um espaço de partilha de experiências e conhecimento, para quem gosta ou quer aprender a cultivar, mas não tem um espaço para tal.

CALDAS DAS TAIPAS – 2019 E 2020 EM REVISTA

UMA VILA EM MUDANÇA

Na segunda edição da revista de Caldas das Taipas damos especial destaque às mudanças que aconteceram no ano de 2019 e 2020, as que estão em curso e as que perspetivamos estarem para vir. A nossa comunidade queria uma mudança. E é uma revolução o que temos em curso. Nas pequenas coisas do dia a dia, como a limpeza da nossa freguesia, dos nossos parques de lazer, no embelezamento dos nossos jardins, mas também nas grandes obras estruturantes que estão a mudar a face da nossa freguesia. Mas a melhor mudança está em cada um de nós. Nos voluntários que com o seu trabalho melhoram a cada dia a nossa freguesia e nos cidadãos atentos que procuram a Junta de Freguesia para a resolução dos seus problemas e dos problemas de Caldas das Taipas. Os que nos envolvemos nos projetos comunitários. Todos nós que fazemos uma comunidade forte e unida! É por tudo isto que esta Vila é diferente, está em mudança e só pode ficar melhor! Desejamos a todos Boas Festas e um ano de 2021 com muita saúde!

CLIQUE PARA FAZER O DOWNLOAD EM PDF

Exposição fotográfica “Rios de Plástico” no parque de lazer das Taipas

A Junta de Freguesia e a Brigada Verde pretendem com a concretização desta exposição reduzir o impacto do plástico no ambiente em Caldas das Taipas. A presença de plásticos nas nossas linhas de água é uma realidade que não se pode esconder e mostrar as consequências das nossas ações diárias tem que ser suficiente para mudarmos definitivamente os nossos comportamentos.

Nas limpezas nas margens do rio Ave e das ribeiras da Agrela e da Canhota, efetuadas por voluntários da Brigada verde durante o verão, foram detetadas grandes quantidades de plásticos. Em Caldas das Taipas, pese embora os alertas que têm sido dados, há ainda muitos comportamentos que importa eliminar.

As 10 fotografias são o resultado de um trabalho dos fotógrafos André Brito e Joaquim Beteriano no âmbito do projeto #Aqualastic do Laboratório da Paisagem e já estiveram patentes no centro histórico de Guimarães,

Esta exposição retrata a realidade dos rios Ave e Selho, tem como objetivo principal que as pessoas diminuam o uso de plásticos no dia a dia e só depois de os reutilizarem devem ser colocados nos vários ecopontos amarelos espalhados pela freguesia.

Caldas das Taipas aderiu à campanha “autarquias sem glifosato” da associação ambientalista Quercus

A Freguesia de Caldelas aderiu à campanha “autarquias sem glifosato” da associação ambientalista Quercus, colocando a saúde pública e o Ambiente em primeiro lugar ao comprometer-se a não usar de herbicidas à base da substância ‘glifosato’.

A Junta de Freguesia, desde meados de 2018, que tem vindo a utilizar alternativas ecológicas para o controlo de vegetação espontânea em zonas urbanas, de lazer e junto a estradas, em vez de herbicidas à base da substância ‘glifosato’. Tem-se optado por controlar as ervas espontâneas na maior parte dos casos, a monda manual – que permite a remoção das áreas ajardinadas apenas as espécies com características indesejadas – e a monda moto-manual e mecânica, através de pequenas motorroçadoras aplicáveis em bermas.

Em cada ano estão previstas 2 limpezas anuais (Páscoa e antes do Inverno) na Vila de Caldas das Taipas, no entanto, por não se utilizarem herbicidas e devido a condições atmosféricas propícias tem sido efetuados quatro cortes de vegetação espontânea.

Há ainda um caminho a percorrer na aceitação das ervas espontâneas pela população, num modo mais verde e ecológico dado que cada vez mais devem fazer parte da paisagem urbana.

PRAIA SECA COM CONDIÇÕES PARA SE TORNAR A PRIMEIRA PRAIA FLUVIAL CLASSIFICADA DO RIO AVE A SEGUIR À BARRAGEM DO ERMAL

Junta de Freguesia de Caldelas assinala o 3º ano de mandato submetendo o pedido de classificação da Praia Seca como praia fluvial produto do trabalho dos últimos três anos

O Executivo liderado por Luís Soares assinala, no dia de hoje, o terceiro ano de mandato com o pedido de classificação da Praia Seca como a primeira praia fluvial do Rio Ave.

O pedido à Agência Portuguesa do Ambiente, inclui o processo de monitorização da água cujos resultados positivos permitem obter a classificação da Praia Seca como praia fluvial, a primeira no Rio Ave, a seguir à barragem do Ermal.

O Presidente da Junta de Freguesia faz um balanço positivo dos últimos três anos e coloca o desígnio ambiental no topo das prioridades da Vila das Taipas: “A defesa do nosso património natural é a nossa paixão. Estamos confiantes que vamos finalmente devolver o Rio aos Taipenses obtendo a classificação da primeira praia fluvial ao longo do Rio Ave e concluindo a limpeza e o trilho na margem do Ave.”

Ler Mais

Foram 7 as famílias de Caldas das Taipas galardoadas com o prémio de Eco-Famílias XXI

As famílias da Freguesia de Caldelas participantes no concurso Eco-Famílias XXI superaram o desafio lançado pela Brigada Verde e a Junta de Freguesia, em conjunto com a ABAE. Neste 2.º ano em que se lançou o desafio, pretendeu-se inspirar as famílias para práticas mais sustentáveis e a revelarem mais preocupações com o ambiente, o território e a comunidade.

Ler Mais