Taipas a florir – Abélia (Abelia x grandiflora)

Abélia (Abelia x grandiflora) – Entrada sul na Vila de Caldas das Taipas

Este arbusto de jardim resulta do cruzamento entre Abelia chinensis e Abelia uniflora, ambos procedentes do leste da Ásia (Japão). É muito ramificado, com ramos arqueados formando uma copa arredondada.

O início da floração é em junho e o fim e setembro. As flores apresentam a forma de sinos, brancas a rosadas com 2 cm de comprimento e geralmente perfumadas. As folhas são ovadas, brilhantes, verdes-escuras, permanentes, com 2 a 6 cm de comprimento.

Esta planta contribui para a criação de dinâmicas associadas à composição e conjugação de espécies ao nível da sua textura, cor, caducidade e floração. Também se pretende criar aqui uma marca distintiva que defina caracteres singulares, nesta que é a entrada mais emblemática da Vila de Caldas das Taipas.

Esta divulgação insere-se no projeto Taipas a Florir, nesta que é a primeira empreitada do projeto global para as rotundas da Vila e que está a ser executada com o apoio do Município de Guimarães.